A negociação de conflitos é uma técnica de gestão de pessoas cujo objetivo é mediar divergências que acontecem entre os colaboradores ao realizar suas atividades.

Negociação de conflitos: entenda a sua importância nas empresas

12 minutos

Conheça os benefícios da negociação de conflitos e como aplicar no dia a dia da sua organização

A adoção da negociação de conflitos como ferramenta de mediação é fundamental para solucionar os impasses que se apresentam entre os funcionários na execução de suas tarefas. Esses impasses afetam diretamente a produção e o rendimento da equipe de trabalho, o que pode gerar consequências graves que se refletem nos resultados da organização. 

De acordo com dados de uma pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH) em 2019, alguns impactos negativos acontecem com mais frequência. São eles: falta de comunicação e queda na produtividade, seguidos de clima organizacional insatisfatório e tomada de decisões erradas ou tardias. 

Neste artigo serão aprofundados os principais problemas causados pela inexistência de mediação de conflitos nas organizações. Além disso, serão apresentadas boas práticas que podem ser adotadas para efetivar a mediação dessas divergências.

New Call-to-action
A negociação de conflitos é uma técnica de gestão de pessoas cujo objetivo é mediar divergências que acontecem entre os colaboradores ao realizar suas atividades.
A negociação de conflitos é uma técnica de gestão de pessoas cujo objetivo é mediar divergências que acontecem entre os colaboradores ao realizar suas atividades.

Impactos da falta de negociação de conflitos nas organizações

São muitos os impactos da ausência de mediação de conflitos em uma empresa, o mais evidente deles é a falta de comunicação ou a comunicação mal realizada. De acordo com dados de um artigo publicado pela Inesul, a má comunicação interna pode gerar desmotivação, baixa produtividade, falta de comprometimento com a equipe e até mesmo mais conflitos. 

Todos esses impactos produzem desdobramentos sensíveis como taxas altas de absenteísmo e turnover, além de afetar a saúde ocupacional dos colaboradores. É cada vez mais preocupante o número de colaboradores que apresentam doenças psicossomáticas. Segundo levantamento realizado pela Universidade do Estado da Bahia, as principais doenças são estresse patológico e/ou Síndrome de Burnout, transtorno de ansiedade e depressão.

Outro impacto relevante da ausência de mediação de conflitos é a queda na produtividade, que provoca também a baixa qualidade dos serviços oferecidos e funções mal realizadas. Segundo matéria publicada pela InfoMoney, 65% dos problemas de desempenho de uma empresa são ocasionados por conflitos no ambiente de trabalho.

Portanto, é fundamental a adoção de medidas para tratar os conflitos que se apresentam no dia a dia de trabalho. A seguir, serão apresentadas práticas que podem auxiliar nessa mediação.

Negociação de conflitos: 3 boas práticas

Algumas práticas são bastante úteis tanto para evitar conflitos como para tratar situações de divergência já estabelecidas. São elas:

1. Treinar a percepção

Pode parecer simples pensar em identificação de conflitos, mas boa parte deles não são tão perceptíveis para um gestor desatento. Quando o conflito se torna público e manifesto é certo que já vinha acontecendo há algum tempo e não foi devidamente tratado. 

É importante criar espaços que promovam o diálogo e a integração da equipe de trabalho para que o assunto venha à tona antes mesmo de causar problemas mais sérios. As avaliações periódicas de clima organizacional podem ser também um bom medidor.

2. Estabelecer uma comunicação efetiva

Uma vez identificado o conflito é fundamental que se estabeleça um canal de comunicação direto para diálogo entre as partes envolvidas. Algumas técnicas de comunicação podem ser usadas para auxiliar na solução de conflitos, como por exemplo, a confrontação construtiva. Esta técnica consiste em confrontar visões diferentes e oferecer uma solução que seja percebida como vantajosa para todos os envolvidos. 

Outra técnica interessante pode ser usada previamente, antes do início das negociações. Trata-se da rapport, que consiste em estabelecer uma relação de confiança através da demonstração de empatia por todos os lados.

3. Manter a escuta ativa

Um bom mediador precisa estimular sua equipe de trabalho a expressar suas opiniões e sentimentos, além de prestar atenção aos sinais não verbais. Para tal, é necessário manter a equipe engajada e construir canais de escuta ativa, seja coletivamente ou individualmente, dependendo do estilo de comunicação de cada colaborador. É importante estabelecer a cultura da escuta e do feedback para criar uma rotina de melhoria contínua dos diálogos e entendimentos sobre o que deve ser realizado.

Benefícios da adoção da negociação de conflitos nas empresas

De acordo com o professor e consultor administrativo Idalberto Chiavenato, o conflito costuma despertar sentimentos que geram uma energia especial no grupo, provocando uma busca por melhorias dos processos. Portanto, a própria rotina de boas práticas de mediação de conflitos oferece vantagens como: 

  • Aumento da produtividade;
  • Comunicação efetiva e assertiva;
  • Maior engajamento e criatividade;
  • Retenção de talentos / redução do turnover;
  • Tomada de decisões mais coerentes;
  • Aumento da satisfação e bem-estar dos colaboradores.

Negociar conflitos aumenta os bons resultados

Manter a equipe de trabalho em sintonia é fundamental para o bom andamento das atividades em uma empresa. Para tal, a negociação de conflitos se faz necessária evitando que processos importantes sejam negligenciados em função da falta de um acordo estabelecido e uma mediação efetiva. Além disso, a aplicação dessas boas práticas proporciona um maior engajamento e bem-estar dos colaboradores, aumentando os índices de clima organizacional e produtividade.

Identificar as causas e buscar a solução de conflitos deve fazer parte da rotina de trabalho de uma organização em um contexto de melhoria contínua. Uma gestão eficiente de conflitos é extremamente importante para atingir as metas estratégicas da empresa e manter a equipe motivada e alinhada em seus propósitos, o que irá refletir diretamente nos resultados.

Somos a BusUp. Transporte inteligente para sua empresa economizar até 40% com fretamento.

Gostou? Entre em contato com nossa equipe para mais informações. Calculou, economizou, mudou para a BusUp.

New Call-to-action

​ ​

Escreva um comentário

Não há comentários

Ainda não há nenhum comentário neste post.

​ ​

Inscreva-se no blog