Tecnologia no mercado de trabalho: por que se tornou tão importante?

14 minutos

Conheça os benefícios da tecnologia no mercado de trabalho 

A tecnologia no mercado de trabalho é um recurso cada vez mais utilizado pelas empresas. Após as restrições impostas pela pandemia de Covid-19, o uso de sistemas modernos se tornou indispensável para todas as organizações que desejam atender seus clientes com a qualidade e urgência que o mercado exige. 

De acordo a um levantamento da Brasscom, Associação Brasileira de TI, o mercado de tecnologia deve criar 420 mil novas vagas até 2024. Para se ter noção do protagonismo assumido pela tecnologia nas cadeias de produção, um artigo publicado pelo MIT revela uma lucratividade 23% maior em organizações que possuem maturidade de atuação no meio digital. 

Este artigo esclarece a importância dos recursos tecnológicos, principalmente para gestores de RH, abordando questões como: as consequências negativas resultantes da defasagem tecnológica; e as boas práticas para torná-la mais presente nas operações do departamento. Também serão levantados os principais benefícios da adoção desse recurso.

New Call-to-action
A tecnologia no mercado de trabalho revolucionou o mundo corporativo e a forma de atuação dos setores empresariais. Graças à presença de softwares de gestão, o departamento de RH, por exemplo, consegue mensurar de maneira mais assertiva o desempenho de todos os colaboradores que compõem a organização.
A tecnologia no mercado de trabalho revolucionou o mundo corporativo e a forma de atuação dos setores empresariais. Graças à presença de softwares de gestão, o departamento de RH, por exemplo, consegue mensurar de maneira mais assertiva o desempenho de todos os colaboradores que compõem a organização.

Tecnologia no mercado de trabalho: impactos da defasagem tecnológica

O investimento em tecnologia é uma realidade, independente da tradição do negócio. Ele ganhou muito destaque, pois permite a realização de tarefas empresariais com mais agilidade e eficiência, principalmente em funções administrativas e de RH. Por isso, recusar, ou não dar tanta atenção às novas tecnologias atrai desvantagens consideráveis, principalmente para os recursos humanos, como:

Falta de otimização em processos 

A ausência de programas inteligentes para auxílio das equipes prejudica os agentes de RH na assertividade em avaliações de desempenho e na gestão da folha de pagamentos, por exemplo.  

Queda na agilidade de serviço

Empresas que não aproveitam da tecnologia possuem diversos processos manuais, tornando as atividades mais lentas. No caso do RH elas não serão capazes de integrar plataformas de informação para que haja simplificação das tarefas. O resultado é a queda na agilidade e na produtividade.

Queda de qualidade das informações 

Sem o uso da tecnologia, as empresas deixam de ter acesso a ferramentas inovadoras.  A criação de gráficos e softwares, que oferecem processamento inteligente de dados, são exemplos. Dessa forma, perdem qualidade nas informações necessárias para definição de estratégias eficientes.

Dificuldade nos processos de seleção

As funções referentes aos processos de seleção tornam-se mais complexas sem o auxílio da tecnologia. A triagem de currículos, por exemplo, passa a ser manual e muito mais demorada. Além disso, entrevistas e dinâmicas também são prejudicadas, já que softwares são capazes de comparar automaticamente características dos profissionais com o perfil da vaga. 

Dificuldade de acompanhamento de desempenho 

Ferramentas de automação reúnem diversos dados em um mesmo dashboard, facilitando a realização das análises. A ausência dessas tecnologias torna os processos de acompanhamento de desempenho manuais, o que claramente demanda maior tempo e gasto de energia para que as atividades se completem.

Tecnologia no mercado de trabalho: como incluí-la no planejamento da empresa?

A transformação digital nos Recursos Humanos é uma iniciativa que deve ser feita por etapas, permitindo a adaptação de todos os agentes envolvidos. Também deve ser contínua, já que novas soluções surgem a todo o momento. 

Empresas devem investir regularmente na contratação de novos softwares que simplifiquem as atividades do setor. A adoção de processos tecnológicos não é uma tarefa simples, exige organização e planejamento estruturado para garantir bons resultados. Apesar de não existir um único caminho, algumas boas práticas recomendadas são: 

Identificação de atividade para investimento 

O primeiro passo é a identificação de alguma atividade que sofra com falta de otimização ou que possa tornar-se mais eficiente. Na sequência os gestores devem pesquisar e localizar um produto no mercado que atenda às necessidades da sua organização.

Oferecimento de treinamento completo

A valorização e transparência com os funcionários é fundamental, afinal se não forem capazes de manusear as novas ferramentas, o investimento terá sido em vão. Eles devem ter espaços para tirar dúvidas e receber treinamentos para receber as inovações e poder lidar com elas da melhor forma. 

Identificação de profissionais líderes em inovação 

As empresas contam com profissionais que possuem certa facilidade e se interessam pelo aprendizado de novas tecnologias. Esses colaboradores se adaptam mais rapidamente e devem ser líderes nesse processo, contribuindo tanto com a divulgação, quanto no treinamento de uso das novas ferramentas. 

Utilização de um software de RH 

Softwares de RH trazem diversas vantagens para o setor e para a empresa em geral. Dessa forma, gestores devem identificar um software específico que ajude a organização naquilo que necessita. Se possível, buscar uma ferramenta prática, para facilitar a adaptação dos profissionais e a busca por resultados. 

Adoção gradual dos novos procedimentos 

Trocar ferramentas e processos de maneira repentina prejudica a adaptação dos funcionários, além de fazer com que seja muito mais difícil buscar soluções em caso de complicação. Sem tempo para adaptação a inovação acaba por atrapalhar o fluxo das operações ao invés de ajudar o setor na produtividade. 

Acompanhamento e avaliação dos resultados 

É importante mensurar os resultados e saber se as inovações estão de fato ajudando o departamento no desenvolvimento de sua performance. Desse modo é fundamental que se realize um comparativo entre o desempenho do RH antes, e depois da aplicação das novidades. Gestores devem avaliar e estar em constante comunicação para identificar as melhores soluções no mercado. 

Afinal, como a tecnologia no mercado de trabalho beneficia as empresas?

O investimento no uso de soluções tecnológicas para o departamento de Recursos Humanos permite uma maior padronização de processos, favorecendo a eficiência e controle.. Também otimiza as etapas de seleção de novos colaboradores, com maior praticidade na análise de currículos ou compatibilidade de funcionários. 
 A tecnologia aumenta a produtividade, acompanhado do ganho de vantagens em relação aos demais players do mercado. Sistemas de inteligência artificial são importantes e auxiliam na identificação das maneiras mais eficazes para realizar uma tarefa. São muitos os benefícios proporcionados pelo uso da tecnologia como aliada corporativa, um pilar fundamental e indispensável para o crescimento do negócio.

Somos a BusUp. Transporte inteligente para sua empresa economizar até 40% com fretamento.

Gostou? Entre em contato com nossa equipe para mais informações. Calculou, economizou, mudou para a BusUp.

New Call-to-action

​ ​

Escreva um comentário

Não há comentários

Ainda não há nenhum comentário neste post.

​ ​

Inscreva-se no blog