Gestão de conflitos nas organizações: Saiba como administrar

12 minutos

Veja as causas mais comuns e saiba como lidar com os conflitos na sua empresa

65% dos problemas de desempenho de uma empresa são ocasionados por conflitos de relacionamento entre funcionários, segundo o pioneiro dos estudos na área de conflitos no ambiente de trabalho, Daniel Dana. Os conflitos levam a situações nas quais as equipes ficam impossibilitadas de atingir melhor rendimento, comprometendo todo o processo de produção. 

A adoção de boas práticas de gestão de conflitos nas organizações pode ajudar a solucionar problemas que impactam diretamente a produção e o rendimento de sua equipe. Veja, a seguir, quais os principais problemas que podem ser causados por uma má gestão e confira algumas dicas para solucionar o problema.

New Call-to-action
A figura do mediador na gestão de conflitos nas organizações

Conheça os 3 principais impactos da falta de gestão de conflitos nas organizações

De acordo com os dados coletados na pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH SP) em 2019, os principais impactos dos conflitos nas organizações são:

Falta de diálogo entre as áreas: 

A consequência mais direta da má gestão de conflitos é a geração de ruídos e, até mesmo, o bloqueio da comunicação entre as pessoas. De acordo com um artigo publicado pela Universidade Inesul, a falta de comunicação interna nas organizações pode ocasionar fatores como:

  • Baixa produtividade, especialmente quando somada a fatores emocionais que afetam os profissionais no ambiente de trabalho.
  • Falta de comprometimento dos funcionários;
  • Desmotivação, conflitos e falta de trabalho em equipe;
  • Altos índices de processos trabalhistas.

A falta de comunicação pode gerar ainda uma tomada de decisão mais lenta ou equivocada. Uma questão de extrema importância para sua empresa é a atenção que se dá ao chamado clima organizacional. Avaliar constantemente o clima é um bom sinalizador para detectar conflitos no dia a dia de produção da sua equipe.

Faltas, Absenteísmo, Licenças e Afastamentos: 

São muitos fatores que influenciam esses índices, como desmotivação, desinteresse e doenças psicossomáticas. Segundo um estudo realizado pela Universidade do Estado da Bahia, as principais doenças observadas são estresse patológico e/ou Síndrome de Burnout, transtorno de ansiedade e depressão.

Perda de talentos e/ou Demissões: 

Outra consequência importante, mas difícil de mensurar, ainda segundo a pesquisa da ABRH, é a taxa de turnover (que mede a rotatividade de funcionários). Uma taxa de turnover alta pode indicar desmotivação dos funcionários, desinteresse e ambiente de trabalho tóxico.

Algumas das principais causas que contribuem para o aumento dessa taxa são:

  • Falta de motivação, como baixo engajamento com os objetivos estratégicos da empresa, baixa remuneração, falta de reconhecimento e de oportunidades;
  • Erros de perfil, isto é, o recrutamento de pessoas desalinhadas com a cultura e com os valores da empresa;
  • Problemas de saúde física e mental, como depressão e estresse.

Como administrar a gestão de conflitos na sua organização? 

Alguns fatores são fundamentais para contornar os conflitos que surgem no dia a dia de trabalho, seja uma ação coordenada ou o estabelecimento de boas práticas, de forma que a própria cultura da organização seja modificada. Veja alguns desses fatores:

Identifique o problema

É comum que os conflitos sejam conhecidos por todos que convivem em um mesmo ambiente de trabalho. Logo, é necessário habilidade para investigar e pesquisar as causas desses conflitos, descobrir quais são os grupos divergentes e entender quais são as raízes do conflito. 

Para tal, é importante adotar ferramentas que viabilizem esse conhecimento. Um exemplo são as pesquisas periódicas de engajamento, através da qual os funcionários podem responder de forma anônima sobre os mais diversos aspectos que envolvem o ambiente de trabalho.

Estabeleça uma comunicação transparente

É fundamental estabelecer um bom diálogo entre as partes envolvidas. A comunicação é peça chave neste processo. Implementar práticas de comunicação clara, direta e efetiva e dinâmicas de integração são exemplos de medidas que podem ajudar muito a lidar com os conflitos.

Uma técnica de comunicação que pode auxiliar na solução de conflitos é a de confrontação construtiva. O método consiste em confrontar visões diferentes e oferecer uma solução que seja percebida como vantajosa para todos os envolvidos. 

Outra solução é estabelecer reuniões periódicas com o objetivo de alinhar ideias e as diversas visões dos membros da equipe. Debater os projetos antes de iniciar pode ajudar bastante a equacionar divergências.

Escute seus funcionários 

Cabe ao gestor planejar e implementar essas práticas. Portanto, tão importante quanto estabelecer um plano de ações é contar com um líder experiente, que vai conduzir todo o processo.

De acordo com a consultoria global Great Place to Work, entre as 100 maiores empresas nacionais para trabalhar, o índice de turnover é a metade em relação aos concorrentes. Isso porque estas organizações conseguem manter a cultura da escuta e do feedback, Outras vantagens, ainda de acordo com a pesquisa, são:

  • Garantir que todo o time esteja alinhado em torno do mesmo objetivo;
  • Gerar mais inovação nas atividades da empresa;
  • Aumentar o desempenho dos colaboradores;
  • Melhorar a imagem profissional dos funcionários.

O maior patrimônio de uma empresa são seus funcionários

A gestão de conflitos nas organizações é fundamental para reduzir danos, melhorar a comunicação e garantir a produtividade de sua equipe. Além disso, o método proporciona o aumento do bem-estar dos funcionários de sua empresa, o que faz com que aumente também a retenção de talentos.

Identificar as causas e solucionar conflitos deve fazer parte das boas práticas de uma empresa, em um contexto de melhoria contínua. Uma gestão eficiente dos conflitos contribui para atingir as metas estratégicas da empresa e manter a equipe motivada e alinhada, refletindo diretamente nos resultados.

Somos a BusUp. Transporte inteligente para sua empresa economizar até 40% com fretamento.

Gostou? Entre em contato com nossa equipe para mais informações. Calculou, economizou, mudou para a BusUp.

New Call-to-action

​ ​

Escreva um comentário

Não há comentários

Ainda não há nenhum comentário neste post.

​ ​

Inscreva-se no blog