5 tendências de tecnologia e inovação para você ficar de olho

12 minutos

Neste artigo, destacamos as cinco principais tendências de inovação que você precisa acompanhar nos próximos anos

O mundo está cada vez mais conectado e tecnológico. Por isso, tecnologia e inovação acontecem em velocidade acelerada. Essa nova onda de tecnologias de ponta, que aproveitam as vantagens da digitalização e da conectividade, foi tema de um relatório do organismo da ONU voltado ao comércio e ao desenvolvimento, a UNCTAD.

New Call-to-action

Para começar: as novas tecnologias no mundo

O mercado de tecnologia e inovação movimenta, atualmente, 350 bilhões de dólares e até 2025 pode superar o patamar dos 3 trilhões de dólares. Para acompanhar o ritmo de mudanças, é fundamental ficar por dentro do que vem por aí. Isso inclui estar atento às tecnologias de fronteira, ou seja, os avanços tecnológicos que já passaram pela fase de pesquisa e desenvolvimento, mas ainda não chegaram à comercialização em massa.

Atualmente, as principais tecnologias de fronteira são a inteligência artificial (IA), a internet das coisas (IoT), a análise de big data, os veículos autônomos e a robótica. 

Cada vez mais, tecnologia e inovação avançam de forma acelerada.

1. Inteligência artificial

Uma das tecnologias disruptivas surgidas nos últimos anos, na prática, a IA é um conjunto de soluções envolvendo algoritmos, redes neurais e outros sistemas que simulam capacidades humanas de raciocínio lógico. Assim, ela permite que máquinas realizem atividades a partir de soluções aprendidas de forma autônoma

Algumas das aplicações mais comuns da IA estão ligadas ao aprendizado de máquina, ao reconhecimento de voz e de visão e outras. Empresas de transporte, por exemplo, já adotam algoritmos para calcular preços dinâmicos a partir de dados dos clientes.

2. Robótica

A adoção de robôs em linhas de produção já é comum. Por definição, a robótica consiste no desenvolvimento de equipamentos ou sistemas que executam tarefas a partir de comandos mecânicos ou automáticos.

Com eles, as empresas conseguem automatizar diversos processos e aumentar a produtividade. Mas é importante lembrar que junto com a automação vem a necessidade de repensar a forma como o trabalho é organizado: muitos perfis de empregos estão sendo substituídos ou extintos, enquanto outros, mais especializados, surgem.

3. Veículos autônomos

Essa é uma das apostas da indústria automobilística para os próximos anos. Já é predominante entre os especialistas de tecnologia e inovação a percepção de que veículos sem motoristas podem ser mais seguros e até mais eficientes.

Seres humanos, ao dirigir, precisam estar sempre atentos ao que acontece e podem se distrair com facilidade, provocando situações de risco potencial. Os investimentos das montadoras nesse setor indicam que, em poucos anos, será comum nos deslocarmos em carros sem motoristas e com total segurança.

Já outra tecnologia de fronteira atende às necessidades de transporte de objetos: os drones. Eles já são responsáveis por várias atividades, desde seus usos recreativos até a entrega de alimentos, água e remédios em hospitais remotos ou em áreas afetadas por grandes desastres.

4. Análise de big data

Nós vivemos conectados, e isso significa que existem registros das atividades diárias de um grande número de pessoas.

Os principais registros incluem:

  • Dados de clientes – como históricos de compras e de pagamentos, reclamações e outros;
  • Informações sobre funcionários – horários de entrada/saída, uso de equipamentos, movimentação nas instalações da empresa;
  • Materiais sobre fornecedores e outros stakeholders.

Os exemplos citados constituem um volume imenso de dados, que isoladamente não significam muito, mas podem ser agregados em relatórios inteligentes que efetivamente ajudem na tomada de decisões.

5. Internet das coisas (IoT)

A sigla IoT vem do inglês Internet of Things, expressão que significa “internet das coisas”. Trata-se de uma tendência que veio para ficar. Afinal, ela realiza o sonho de casas e empresas totalmente conectadas, em que objetos que usamos no dia a dia podem ser controlados por dispositivos como computadores ou celulares.

Essa inovação já é comum em eletrodomésticos, maçanetas, relógios e geladeiras ligados à rede. Com a chegada de recursos que trazem maior velocidade de processamento, vai ser cada vez mais comum vermos objetos inteligentes como parte de nossas atividades rotineiras.

O futuro da tecnologia e inovação

Tecnologia e inovação fazem parte de nossas vidas cotidianas, por isso é fundamental ficar por dentro das tendências que vieram para ficar.

Muitas novidades não sobrevivem à fase de pesquisa e desenvolvimento, mas aquelas que se consolidam como tecnologias de fronteira acabarão impactando nossas vidas em um futuro próximo.

Elas trazem mais qualidade de vida e apresentam soluções para problemas reais, por isso mais cedo ou mais tarde serão adotadas em larga escala. Será que estamos preparados para o futuro?

Gostou? Entre em contato com nossa equipe para mais informações. Calculou, economizou, mudou para a BusUp.

Como economizar com o transporte de funcionários

​ ​

Escreva um comentário

Não há comentários

Ainda não há nenhum comentário neste post.

​ ​

Inscreva-se no blog